Reforma tributária volta a andar

Retirada do limbo pela greve do caminhoneiros, a reforma tributária parece que, finalmente, começa a andar na Câ- mara dos Deputados. O primeiro passo será dado amanhã, quando o deputado federal Luiz Carlos Hauly (PSDB), relator da matéria na Casa, realizará a primeira de 11 reuniões de uma nova comissão especial criada pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia, para discutir a matéria.

Em entrevista concedida à coluna, Hauly se mostrou esperançoso diante do novo cenário. E disse acreditar que vence rapidamente as 11 sessões, colocando a reforma no plenário, para votação, em pouco mais de um mês. Ele explica que o futuro sistema tributário terá um imposto de renda federal, um imposto seletivo estadual e outro imposto sobre valor agregado.

Haverá modificação também na área municipal. O relator salienta que para evitar perdas aos estados e para que o sistema tributário como um todo se organize, será criado prazo de transição. Como Hauly tem o apoio do presidente da Câmara, é bem possível que agora a discussão sobre a reforma seja para valer, diante das pressões sobre a política de preços praticada pela Petrobras e as altas alíquotas estabelecidas pelos Estados sobre os combustíveis.

Fonte: Correio do Povo